Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


LK - 4ºcap

por Dady, em 23.04.10

Quarto Capítulo

 

 “don’t know what to do”

 

            A chuva caía intensamente e o dia estava gelado. Emma odiava estes dias, em que tinha de estar agasalhada até à ponta dos cabelos e andar com o chapéu-de-chuva aberto a todo o segundo.

            Estava na sala, sentada no chão, com as pernas cruzadas, em frente à porta envidraçada da varanda. Tinha o seu bloco de desenho e o seu lápis nº1. Estava inspirada até ao pescoço; bastava apenas pousar o lápis no bloco, olhar para uma gota de chuva e a criatividade tratava-se do resto. Estavam a ficar realmente bonitos, aqueles retratos da natureza.

            Cantarolava, sorria por tudo e para tudo, balouçava as pernas enquanto desenhava; Emma estava feliz. Ela sabia a que se devia a felicidade, mas, por vezes, esquecia-se de como sorrir, do quão feliz estava, e o arrependimento, a saudade, a ansiedade e o medo atormentavam a sua alma. Mas logo se punha a cantarolar uma canção mexida e divertida, que a animava e voltava a desenhar.

            De repente, parou de desenhar, lembrou-se que estava a chover e da frase que dissera, uma vez. “Quando a chuva cair, lembra-te das lágrimas que derramei por ti. Quando o sol raiar intensamente, saberás que consigo ser feliz sem ti, finalmente.” Emma não conseguia ser feliz sem ele, pelo contrário, só conseguia ser feliz com ele!

            Começou a cantar uma música infantil para se abstrair e, desta vez, ao olhar para a sua lótus, para o seu lago, o banco de madeira em frente ao lado, desenhou uma espécie de desenho de anime, em que uma rapariga e um rapaz estavam sentados no banco, à chuva. O rapaz era bonito, alto e sorria; ela tinha um bonito cabelo brilhante e… a sua cara parecia uma caricatura: de um lado, havia um sorriso radiante, do outro uma lágrima e uns olhos tristes. Aquilo simbolizava o sentimento junto com um desejo de Emma, os sentimentos baralhados e confusos, sem saber qual será o verdadeiro e o desejo de estar com ele. Será que ele queria o mesmo? Será que, passado tanto tempo, Max gostaria finalmente de Emma? 

 

não acho que este cap. seja muito interessante, mas coiso, é só para adiantar e passar à frente..

feliz dia do livro e dos direitos de autor, escritoras e leitoras. (: 

só para te animar, é teu Sara.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:46

Tudo aqui presente é da autoria de Dália Rodrigues. Plágio é crime. Just sayin'...


2 comentários

Imagem de perfil

De alwayssomething a 23.04.2010 às 18:09

Obrigado, FW, por tudo!
está muito bonito, e pelo contrario, eu acho que é importante, porque fala sobre os sentimentos dela, descreve-os melhor!
Amei, e obrigado por mo dedicares! *-*
Love you
kisses
sara_maria
Sem imagem de perfil

De Mudei-me. Tchauzinho. a 23.04.2010 às 19:43

Adorei-o! Está interessante, sim!
Beijinhos.

Comentar post



sobre mim

foto do autor