Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


come back

por Dady, em 10.05.12

Sonhou com aquelas ondas. Conhecia-as como ninguém. Olhava-as constantemente, como quem pede um desejo e fazia-lo mesmo.

Apesar da força com que pedia esses desejos ao mar, todas as noites, o horizonte continuava vazio, distante, assustador.

Suspirou e outro fio de esperança abandonou o seu corpo. Quanto mais tempo passava, mais acreditava na sua solidão e tristeza, na sua vida passada a observar as águas serenas da noite em busca do que lhe era mais querido.

Fechou a janela. Aquela moldura com a felicidade e o amor entre as mãos despertou a sua atenção. Sentou-se novamente em frente às teclas serenas, sentindo o significado da fotografia naquela moldura.

A saudade soltou-lhe as lágrimas ao ver um passado desejado, no presente, e sonhado, no futuro.

 

outra composição de português. 

inspirei-me em ti, D, sabes que quero que voltes.

 

P.S: Só para que saibas, porque não to consigo dizer diretamente:

Adoro-te, A.

Obrigada por voltares. :')

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:56

Tudo aqui presente é da autoria de Dália Rodrigues. Plágio é crime. Just sayin'...


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Luh a 01.07.2012 às 21:10

Simplesmente lindo.
Sempre to disse (e vou continuar a dizer até alguma de nós ir para o outro plano..): Os teus textos são maravilhosos. Mesmo pequenos, são muito bem elaborados e deixam qualquer um de queixo caído.
E é claro que eu sendo a sentimentalista que sou, não pude deixar de me emocionar com cada palavra, vírgula e ponto.
Por favor, imploro-te para que nunca pares de escrever, ias partir-me o coração D:

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



sobre mim

foto do autor